ANICT

Towards a sustainable research career with progression based on merit

Monthly Archives: July 2019

Programa eleitoral do PS prevê reforço na Ciência e aumento dos quadros de investigadores

Foi hoje apresentado o programa eleitoral do PS, que incluí alguma das propostas que a ANICT tem vindo a defender nos últimos anos, nomeadamente:

  • Reforço do investimento em ciência: aumento em função do PIB, com objetivo de chegar aos 3% em 2030;
  • Estabilidade das políticas de ciência: Aprovação de uma Lei da Programação do Investimento em Ciência que conterá a programação do investimento público em ciência num quadro plurianual a pelo menos 12 anos;
  • Valorização do emprego científico: Continuação de abertura de contratos de trabalho para doutores e garantir a implementação de contratos de quadro (carreira de investigação);
  • Desburocratização de processos:  formulários de candidaturas a projetos simplificados, transferências de verbas mais céleres.

O documento pode ser consultado na integra em https://www.ps.pt/programa-eleitoral-ps-legislativas2019.pdf

Novo concurso para estatuto de Laboratório Associado prevê obrigatoriedade de contratos de quadro

Está em consulta pública, até o dia 2 de Agosto (ver aqui), o projeto de Regulamento de Atribuição do Estatuto e Atribuição de Financiamento a Laboratórios Associado. A ANICT chama à atenção para a inclusão, na proposta original colocada em discussão pública, de um limite mínimo (proposto em 15% do total de investigadores integrados) de contratos de quadro de pessoal dedicado exclusivamente a atividades de investigação.

A inclusão de um valor mínimo de contratos de quadro nas unidades de investigação FCT tem vindo a ser uma das propostas que a ANICT tem vindo a insistir com a FCT, ao longo dos últimos anos.

A ANICT considera absolutamente essencial que este critério seja mantido como condição de elegibilidade para o estatuto de laboratório associado e propõe que em futuras avaliações das unidades de investigação este critério seja de carácter obrigatório, de forma a estimular, cada vez mais, a utilização de contratos sem termo nas carreiras científicas e técnicas ligadas à investigação.

Questionário ANICT: problemas na execução financeira dos projetos FCT 2017

Está a decorrer um questionário da ANICT endereçado aos Investigadores Responsáveis (ou co-IR) de projetos FCT 2017, relativamente a eventuais problemas na execução financeira dos mesmos, em particular a dificuldade da execução de 15% da verba total por semestre e/ou a contratação de investigadores doutorados. A ANICT irá apresentar as conclusões deste estudo à FCT, na próxima semana e irá propor soluções que mitiguem este problema.

O questionário é público e estará aberto até ao final desta semana (20 de Julho). Para participar no questionário, clique aqui.

 

 

ANICT questiona FCT sobre atrasos na abertura de editais do CEEC Institucional

A ANICT enviou hoje uma carta à FCT, alertando sobre os atrasos verificados na abertura dos editais financiados pelo Concurso Estímulo ao Emprego Científico – Institucional 2018.

De acordo com os últimos dados disponíveis no Observatório de Emprego Científico (informação a 24 de junho de 2019), ainda só foram abertas 67% das posições elegíveis, sendo que a percentagem de contratos efetivamente realizados ronda apenas os 12%.

Tendo em conta o artigo 15 do Regulamento do Emprego Científico,  era expectável que os respetivos contratos programa (FCT-Instituição de Acolhimento), tivessem início até ao máximo de 6 meses a partir da data de notificação da decisão de apoio, o que ocorreu no dia 8 de Agosto de 2018, o que não se está a verificar.

Investigadores precários em protesto na abertura do Ciência 2019

rr 8 7 19.png