ANICT

Towards a sustainable research career with progression based on merit

Monthly Archives: August 2014

“E que avalia os avaliadores?” – artigo de opinião no Público

publico

Advertisements

Elsevier and free journal access for researchers in-between contracts and subcontracting

Elsevier have announced extremely good news for researchers and entitlements.  They are announcing free journal access to researchers in between
contract or if they are independently sub-contracting.

This  initiative stemmed from ICoRSA (International Consortium of Research Staff Associations –  ANICT is a founding member) discussion with Elsevier during ESOF2014 in Copenhagen regarding the difficulty facing researchers in between contracts .

In a large majority of cases after a researcher contract is over, researchers are cut off from academic journal access, and thus are not able to continue their research, until they start another contract. Similar problems are faced by researchers that make the big jump to be become independent sub-contractors, who sub-contract themselves back to a university. Journal access for research could be prohibitively expensive.

Elsevier would like to announce the “Post Doc Access Program for scholars in between contracts“.  For more information click here

European Union survey ‘SCIENCE 2.0’: SCIENCE IN TRANSITION

The European Union is organizing a survey for researchers and scientific institutions, that aims to gather information usefull for European Scientific policies.

 

The survey is open until the end of September and can be found here. You can also find background information about the Science 2.0 here

Survey: Doctoral Researchers in Portugal 2014

ANICT is currently organizing a survey to assess the impact of doctoral researchers in Portuguese Science and to identify important problems related to their working conditions. The survey takes less than 10 minutes. To participate click on the image bellow.

survey2014

A ANICT congratula a FCT pelas mudanças positivas no próximo concurso de bolsas

É com grande satisfação que a direcção da ANICT recebe o novo regulamento e guião de avaliação para o concurso de bolsas individuais que recentemente abriu. Estamos convictos que algumas das alterações verificadas irão, a longo prazo, fortalecer a comunidade científica nacional. Ao assumir que os avaliadores não poderão ser orientadores ou co-orientadores de candidatos no mesmo painel de avaliação de que são membros, a FCT dá um importante passo na direcção certa.

Tal só foi possível devido à participação massiva de meio milhar de doutores, desde bolseiros de pós-doutoramento, investigadores e professores contratados e professores, que claramente demonstraram o seu apoio nesta importante medida (ver link aqui).

Igualmente importante é a obrigatoriedade dos diferentes painéis definirem quantitativamente os subcritérios a aplicar, antes de terem acesso às candidaturas. Fica, no entanto, por definir se a FCT irá divulgar esses critérios mal estejam estabelecidos (tal como a ANICT sugeriu). Esta questão, assim como outras, foram recentemente colocadas pela ANICT á presidência da FCT às quais se espera um esclarecimento pronto.

Embora estas alterações sejam claramente boa notícia, ainda não são a garantia de que o processo de avaliação irá decorrer sem falhas. É igualmente importante implementar um sistema de controlo de qualidade, onde seja possível identificar e corrigir falhas grosseiras na avaliação. Embora a avaliação científica tenha uma componente muito subjectiva (o projeto), a componente do mérito do candidato tem que ser objectiva e devidamente fundamentada.

fct2014

 

Comunicado de imprensa acessível neste link.