ANICT

Towards a sustainable research career with progression based on merit

Parecer da ANICT ao documento “Um pacto para o reforço de instituições e carreiras científicas”

O Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Prof. Manuel Heitor, apresentou o documento “Um pacto para o reforço de instituições e carreiras científicas, numa reunião com a ANICT, que decorreu no passado mês de Maio, tendo solicitado o nosso parecer ao documento, que é bastante abrangente nos temas a que se propõe dar um contribuição de melhoria.

O parecer da ANICT, baseou-se nos vários documentos estratégicos produzidos ao longo dos último anos, e focou-se principalmente nos assuntos mais directamente relevantes para a atividade dos investigadores não enquadrados na carreira docente, e pode ser consultado aqui.

Número de doutorados nas empresas cresceu 38% desde 2015

O sucesso no tempo de avaliação do concurso de projetos da FCT (e o camuflar da taxa de aprovações)

Lançamento on-line do Observatório do Emprego Científico e Docente

Está on-line o Observatório do Emprego Científico e Docente (OECD), uma plataforma lançada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (MCTES) e que consiste num registo público nominativo que lista todos os contratos de doutorados envolvidos em atividades de investigação (I&D), de docência ou de gestão e comunicação de ciência e tecnologia. Os dados são recolhidos e divulgados pela Direção-Geral de Estatísticas de Educação e Ciência (DGEEC). O OECD traduz-se num mecanismo de análise que possibilita uma monitorização da contratação de investigadores doutorados e das carreiras em investigação.

Seis mil doutorados contratados desde 2017

Mostra um screenshot da página da JN com o início da noticia. Para aceder à página clique nesta imagem.

Os Laboratórios Associados e o impacto em contratos permanentes

O futuro do programa CEEC

Financiamento e o seu impacto no emprego científico e carreira