ANICT

Towards a sustainable research career with progression based on merit

ANICT apresenta propostas ao MCTES para melhorar concursos de projetos

Após a divulgação dos resultados do último concurso de financiamento para projetos de investigação em todas as áreas científicas, promovidos pela FCT, a ANICT promoveu um levantamento do número de projetos de elevado mérito (avaliação internacional com os quatro critérios iguais ao último projeto financiado), que não foram financiados baseados exclusivamente no 5º critério de desempate (hora de submissão do projeto). Até ao momento, foi possível analisar 25 dos 32 painéis de avaliação, verificando-se que na maioria dos painéis foram excluídos projetos desta forma, existindo casos extremos onde foram excluídos 7 projetos, tal como descrito neste documento.

Com base nestes resultados, a ANICT enviou um ofício ao MCTES e à FCT, apontando as fragilidades do último concurso e sugerindo algumas melhorias para as próximas chamadas. Foram apresentados 4 pontos chave:
(i) Desempates de projetos têm que ser baseados no mérito do projeto;
(ii) Taxas de aprovação tão reduzidas levam a um enorme desperdício de recursos financeiros;
(iii) A comunicação dos resultados dos projetos tem que ser totalmente transparente;
(iv) É importante repensar a forma de se gerir os projetos nacionais.

O levantamento de informação continuará ativo até ao dia 25 de novembro, após o qual toda a informação será também enviada para a Assembleia da República. A lista de painéis em falta encontra-se disponível aqui.

Comments are closed.

%d bloggers like this: